domingo, 21 de março de 2010

A Dona Aranha Salvadora.


A música sempre esteve presente no dia a dia lá em casa e desde que as crianças chegaram não podia ser diferente. Coloquei meu Ipod antigo no quarto deles com uma caixinha de som que foi presente do Tio Band (segundo ele, o responsável pela educação musical das crianças - vira e mexe leva seu violão lá pra casa..), e lotei o bichinho de musiquinhas infantis: Beatles e Pink Floid for Babies, vários da Coleção Baby Eistein e outras musiquinhas, inclusive algumas do nosso tempo de criança. 

Os dois sempre gostaram e se acalmavam muito com um sonzinho gostoso na hora de dormir e mamar, uma delicia!

Além disso, tenho um bom repertório de musicas infantis por causa de minha mãe que sempre gostou muito de cantar para a Bi, minha irmã caçula que veio anos depois de mim. Me lembro de como as duas gostavam daquelas musiquinhas e como nos divertíamos juntas cantando sem parar. (Biaaanca é uma boneeecaaa....)

Desde que os pequenos chegaram em casa (confesso que quando eles estava na barriga achava um pouco estranho esta cantoria) eu canto sem parar. No começo não sabiam se eles gostavam ou não mas logo que começaram a interagir percebi que tinham suas musicas favoritas.

A rainha desta lista de favoritas é sem dúvida a "Dona Aranha" (aquela que subiu pela parede, sabe?). É incrível o poder que esta musiquinha tem sobre eles, basta eu começar a canta-la que os dois prestam a maior atenção, começam a sorrir e dançar sem parar, dá pra imaginar a fofura?

Esta música também tem outro poder, o poder calmante!! Imagina a cena: Hora do jantar, duas crianças famintas deixando isso bem claro. Mamãe começa a dar a papinha pro Marcos e ele parece um cavalo bravo, se jogando pra traz e reclamando sem parar, enquanto isso papai tentando alimentar Isabel que  também está chorando como se estivesse sofrendo horrores. Imaginou o caos instalado?? Pois é, neste momento basta mamãe começar a cantar a Dona Aranha com uma voz bem calminha para que os dois parem o show NA HORA, abram a boca na maior alegria e comecem a comer felizes! MILAGRE!!

E olha que já fiz vários testes. Polegares, Indiozinhos, Borboletinhas e muitas outras.. Nada tem o efeito instantâneo da Salvadora Dona Aranha.

6 comentários:

Anônimo disse...

Mô, adorei a estória da Da. Aranha. Adorei também os filmes que você mandou para o Gab. As crianças estão cada vez mais fofas. Espertinhas e interagindo muito. Uma graça! Parece incrível vê-los agora e lembrar dos dois pinguinhos de gente que eles eram. Parabens!!! Obra sua.
Beijocas a toda a familia, agora completa. Lucia e Kleber

Anônimo disse...

Mô, gostei de saber que você já perdeu muitos quilos. Viva. Beijocas, Lucia

Anônimo disse...

Mô, adorei essa aranha. Muito simpática !
Bjs
Ana B.

Debora disse...

Queria saber que musica 'e essa rsrsrsrs
Que coisa mais fofa eles comecando a conhecer o mundo.....
Bjks

thiago.ortega disse...

Oi Mô!

Fiquei feliz de aparecer em seu blog!...

Se eles gostam dessa tal de dona aranha, quero só ver quando conhecerem o rock'n'roll...

Bjos
Band

Anônimo disse...

Mô,
saudades de novas fotos e novos posts.
Eles estão uma graça, no domngo foi ótimo encontrar com eles e ve-los de bocão aberto para comer.
Nossa basta olharem o potinho q a boca abre sem colher.
Acho q o Tio Gui tb terá q influenciar os babies para além de rock eles conhecerem pagode também.
bjks Tia Cris